Comer em Restaurantes no Sábado

Alguns membros em minha igreja creem ser apropriado comer em restaurantes durante o Sábado. Não estou seguro como devo reagir. Existe alguma orientação da Bíblia?

A ênfase recente sobre justificação pela fé tem resultado numa diminuição da ênfase sobre a obediência à lei e uma tendência a resistir instrução específica concernente à observância do Sábado. Consequentemente, muitos membros da igreja nem consultam a Bíblia sobre este assunto.

A Bíblia nos dá pouca informação específica sobre a questão da observância do Sábado, tornando necessário para nós tomarmos algumas decisões pessoais. Entretanto, a Bíblia identifica alguns princípios que podem ser usados para determinar como observar o Sábado.

1. O Sábado é Santo: O Sábado foi santificado pelo Senhor, e Ele espera que nós o guardemos como santo (Gn 2:3; Êx 20:8). O conceito de santidade é quase desconhecido nas sociedades Ocidentais. Nós não temos lugares santos, rios santos, objetos santos. Nós sabemos que Deus é santo, mas Ele não é um objeto visível localizado num lugar santo reservado. Consequentemente, parece que não sabemos como nos relacionar com o que é santo. A falta de conhecimento tem resultado numa secularização ou apropriação indevida daquilo que é santo.

O santo é por natureza aquilo que inunda nosso espaço e tempo de fora para dentro, da esfera do divino. Deus selecionou coisas específicas dentro da criação e as separou do restante da criação tornando-as santas, apropriando-as e colocando-as fora do domínio da manipulação e exploração humanas.

Por exemplo, o dízimo e Sábado são santos; eles pertencem exclusivamente a Deus. Ambos estão localizados dentro de nossa esfera de existência, mas são únicos no aspecto que Deus os reivindica como suas posses particulares. Nós os mantemos santos reconhecendo que eles pertencem a Deus e tratando-os como santos.
      2. Guardando o Sábado como Santo: Nossa consciência da santidade do Sábado não é o resultado de análise científica, mas da revelação divina. O Sábado é um período de 24 horas, e nossa tendência natural é trata-lo como um dia comum. Guarda-lo como santo significa usá-lo de uma maneira que seja compatível com a santidade de Deus. Somente uma pessoa santa pode guardar o Sábado como santo, e essa santidade nos é mediada através da vontade revelada de Deus.

Deus nos tem informado que durante o Sábado devemos repousar. O repouso significa primeiro que nenhum trabalho que contribuirá para nossa autopreservação deve ser feito. Isto incluía semeadura e colheita (Êx 34:21) ou ocupar-se com transações comerciais que nos enriqueceriam ou proveriam nossas próprias necessidades (Ne 13:15-21; Am 8:5; Jr 17:21, 22). Segundo, o repouso significa que Deus é responsável por nosso alimento durante o Sábado (Êx 16:23; 35:3; Nm 15:32-36). Nós o preparamos antes do pôr do sol, e confiamos que Ele o preservará para que desfrutemos de ele durante as horas santas. Nós nos aliviamos do fardo da autopreservação no Sábado. É, portanto, necessário planejar durante a semana como vamos guardar o santo Sábado.

3. A Santidade do Sábado é Dinâmica: As horas do Sábado são esvaziadas de preocupação humana com nossa autopreservação a fim de que as preenchamos com o poder da santidade. Quando o santo invade o Sábado, ele se torna um dia de cura (Lc 14:1-6), um dia para salvar ou preservar as vidas de outros (Mc 3:4; Mt 12:12), um dia liberação para a família, o pobre, os servos, e até mesmo os animais (Êx 20:10). Acima de tudo ele é um dia para se entrar em profundo contato com nosso Criador, para louvá-Lo, e regozijar-se diante dEle (Is 58:13, 14). O Sábado não é meramente um “dia da família” (isso seria um entendimento secular dele), mas um dia quando a família se coloca nas mãos de um Deus amoroso adorando-O, servindo-O e também aos outros.

Testemunhamos com grande preocupação uma erosão da observância do Sábado na própria igreja. É tempo para chamar o povo de Deus a um reavivamento e reforma na observância do quarto mandamento.

Embora possa existir muitos casos nos quais seja necessária ir a um restaurante durante o Sábado, é uma violação da santidade do Sábado tornar isso uma prática regular.

Data: 
1/11/01
Translation: